Diário de um fumador

Apenas o desespero na forma de palavras

18 de maio de 2008

É fácil desaparecer...

Agora percebo porque motivo estes gajos desapareceram e nunca mais disseram nada.
É fácil desaparecer, deixar de dar notícias, de apoiar.
Agora entendo...
Porque não há palavras suficientes para contradizer a vontade de fumar, apesar de estarem passados quase 5 meses.
O que se diz a um gajo que deixou de fumar há 4 meses e meio?...
Aguenta-te?! Força?! Pensa noutras merdas?!...
Não adianta!
Não se diz nada. É melhor!
É mais fácil desaparecer.

8 comentários:

Júlia disse...

Eles desapareceram, mas nós estamos aqui.
Se não por outros motivos, só por este, tens que continuar com o teu objectivo!

Não deixes a árvore verde morrer.

Sonsdebruniel disse...

Fica isto:
"Não percas o teu TEMPO com as futilidades da vida apesar destas terem lugar nos breves segundos do teu TEMPO..."
AB

John_Doe disse...

Não te vou dizer, "Força, eu estou contigo!" ou "Tu és capaz..". Apenas te digo, Quero o meui jantar!!!! Por isso, pensa no prazer que vais ter e vais dar às pessoas que sempre te apioaram ao dizeres, "Faz hoje ... dias que eu deixei de fumar, o meu muito obrigado a todos... E que muitos consigam o que eu consegui!"
Abraço

Carla disse...

"A vontade, se não quer, não cede, é como a chama ardente, que se eleva com mais força quanto mais se tenta abafá-la."

monica disse...

"Lá se foram 90 dias sem fumar...
1800 cigarros.
Parabéns a mim.
Obrigado a todos os que me apoiam todos os dias".
é verdade se calhar por vezes é mlhor desaperecer,mas apesar desta facilidade ainda ao muitas as pessoas que se mantém presente e não saparecem

Anónimo disse...

“A verdadeira medida de um homem não se vê na forma como se comporta em momentos de conforto e conveniência, mas em como se mantém em tempos de controvérsia e desafio.”
(Martin Luther King)

monica disse...

"Lá se foram 90 dias sem fumar...
1800 cigarros.
Parabéns a mim.
Obrigado a todos os que me apoiam todos os dias".rui fonte
é verdade se calhar por vezes é mlhor desaperecer,mas apesar desta facilidade ainda ao muitas as pessoas que se mantém presente e não desaparecem

Rui disse...

Obrigado. :)
Lá estaremos, sim, a jantar e a festejar.
isto... se aguentar, não é!

Reduzido a cinza

A minha foto
Canas de Senhorim, Viseu, Portugal
À espera de palavras...